Portuguese Dutch English French German Greek Italian Japanese Korean Russian Spanish

Dicas para contratar uma bateria show para seu evento

Bandeira Personalizada

Nem só de bandas show são feitos os eventos. Diversificar as apresentações tornou-se uma tendência em festas de casamentos, aniversários e formaturas. Afinal de contas, a apresentação de um certo estilo mostra melhor a personalidade de quem está organizando o evento. E, se o seu gosto é mostrar ginga e samba no pé, uma bateria de escola de samba show vai agitar e tornar sua festa inesquecível. 

Você já está pensando nas batidas do tamborim, não é? Mas é só ligar e pedir, como se fosse um cheeseburger? Não. Para não deixar seu carnaval particular se tornar uma quarta-feira de cinzas, é importante considerar alguns detalhes antes de contratar uma bateria show.

Fique ligado nessas dicas!

1. Contrate com antecedência

Se um casamento ou recepção já começam a ser planejados anos antes, pra quê deixar seu samba show para a última hora? Baterias de responsa, como a do Mestre Anselmo, têm agenda cheia de eventos. Então é bom programar-se para o seu evento não sair do compasso.

2. Qualidade e confiança da empresa

Além de poder programar-se, conhecer antes e pesquisar sobre a empresa que fará o seu samba show é uma garantia que você não cairá na conversa do malandro. E, como diversão é coisa séria, apenas contrate escolas de samba responsáveis, com experiência comprovada em eventos de grande porte.

Show de Samba em grandes eventos

3. A hora certa de soprar o apito

Você está planejando uma festa inesquecível, daquelas que duram até o sol raiar? Se a resposta for sim, também deve estar tentando descobrir a melhor hora para a escola de samba dar aquela levantada nos convidados, não é mesmo?

O melhor momento é quando você decidir. Contudo, a Apito de Mestre recomenda inserir a apresentação da escola de samba depois de umas três ou quatro horas de festa. Você dá um descanso à banda ou DJ e faz todo mundo queimar as calorias consumidas no buffet. 

Shows e Eventos com Bateria de Escola de Samba

4. Respeite os convidados

Festas privadas e eventos corporativos são grandes confraternizações que, consequentemente, envolvem famílias inteiras. Ou seja, você terá convidados de todas as idades e com interesses diversificados. Ao contratar uma bateria show para a sua festa, é importante respeitar crianças, pessoas idosas e até aqueles que não gostam de se jogar em um bom batuque.

Pensando nisso, a bateria show da Apito de Mestre é a única a se adequar aos espaços com pouco isolamento acústico ou até sem, proporcionando um som gostoso e não ensurdecedor.

Show bateria escola de samba para plenária

5. Converse com a Apito de Mestre

Na vermelha e branca da Vila Aurora, o maior bamba é você. Assim, fica por sua conta se vamos fazer um som pra levantar os convidados, ou se iremos armar o maior carnaval, com direito a passistas, malandros, foliões, mestre sala, porta-bandeira. Se você quiser, a Apito de Mestre faz até um samba-enredo exclusivo para o seu evento!

Somos muito bom de samba quando o negócio é trabalhar em parceria com produtores de eventos e assessores. Entre em contato e comprove!

"Quem não gosta de samba, bom sujeito não é..." Você sabe onde nasceu esta frase?

...Ou é ruim da cabeça, ou doente do pé”. O cantor e compositor Dorival Caymmi, ao fazer esse diagnóstico, não era ortopedista e muito menos psiquiatra. Na década de 1940, quando já morava no Rio de Janeiro, o artista homenageou as raízes de sua terra, a Bahia.

Caymmi também canta e conta suas origens e tradições. Quem, assim como ele, nasce no samba, não consegue (e nem quer) se separar desse ritmo. E desde o fim da década de 1910 é assim. O ano de fundação do samba não é muito bem determinado, mas suas referências vêm de muito tempo. E de muito longe.

No início do século XX, esse povo musicou histórias do dia a dia e, com a força dos tambores africanos, criou um novo ritmo. O Samba de Roda, com suas violas, pandeiros e sua expressão cultural, influenciou o samba carioca e imortalizou a tradição e herança negro-africana trazidas ainda no período colonial. Hoje, o Samba de Roda é reconhecido pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) como Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade.

O samba nasceu baiano, mas rapidamente o bater dos tamborins ganhou malandras melodias nos morros cariocas. Do Oswaldo Cruz, do Estácio e da Mangueira, o samba foi migrando para todo o país. Chegou no Brás, no Bixiga e na Vila Aurora. Da locomotiva do país, o ritmo partiu para conquistar todas as regiões.

Da roda para o mundo corporativo

Hoje, o samba está em todos os lugares. Escolas de samba nos carnavais; samba de raiz nas happy hours; e, no formato que convir, em festas de aniversário, formaturas, casamentos e em eventos corporativos. Caymmi podia até não ter imaginado que “o samba da sua terra” encantaria o mundo, mas já sabia que o ritmo faria todo mundo se bulir.

Dos antigos sambas de roda africanos às rodas de samba dos botequins, qualquer um pode chegar, cantar, dançar e se alegrar. O samba é democrático. Arrepiam e fazem bater mais forte até os corações dos desafinados e de quem não sabe sambar. E, sem ao menos perceber, naquela festa da empresa, ou no churrasco dos amigos, quem não gosta de samba “fica bom da cabeça” e logo está batucando na mesa ou fazendo um som com uma caixinha de fósforos.

O samba que você quer… e precisa!

Você pode até não gostar de chorinho… ou de pagode. Pode achar barulhenta a bateria da escola de samba. Mas o fato é que o samba está em muitos lugares. Está nos cavaquinhos que dão o tom, no choro das cuícas e nas histórias de olhares que atacam feito “tauba de tiro ao Álvaro”.

E se a Apito de Mestre chamá-lo para um samba no Brás, pode ter certeza que você não encontrará uma festa vazia e muito menos na porta. Com a gente, o seu evento só terá alegria, diversão e sambistas da melhor qualidade.

Fala a verdade, depois dessa história, temos de concordar com o Caymmi, ao dizer que "Quem não gosta de samba, bom sujeito não é..."

Telefones

+55 (11) 4117-0444 . (11) 2872-5738
(11) 94763-3483

Endereço

Rua Albertina Vieira da Silva Gordo, 38
CEP: 02410-000 / Vila Aurora- São Paulo

 

Horário de atendimento de segunda a sexta das 09h às 18h